MANIFESTO PELA PAZ MUNDIAL - UNESCO





"Me comprometo em minha vida cotidiana, na minha  família, no meu trabalho, na
minha comunidade, no meu país e na minha região a:

I. Respeitar a vida e a dignidade de cada pessoa, sem discriminar nem 
prejudicar o próximo.
2.  Rejeitar a violência, praticar a não violência ativa, repelindo a violência
em todas as suas formas; física, sexual, psicológica, econômica e social,
em particular ante os mais fracos e vulneráveis, como as crianças e os 
adolescentes.
3. Ser generoso. Compartilhar o meu tempo e meus recursos
materiais, cultivando a generosidade, a fim de terminar com a
exclusão, a injustiça e a apressão política e econômica.
4. Ouvir para compreender. Defender a liberdade de expressão
e a diversidade cultural, privilegiando sempre a escuta e o 
diálogo, sem ceder ao fanatismo, nem a maledicência e o 
rechaço ao próximo.
5. Preservar o planeta. Promover um consumo responsável 
e um modelo de desenvolvimento que tenha em conta a 
importância de todas as formas de vida e o equilibrio
dos recursos naturais do planeta.
6. Redescobrir a solidariedade. Contribuir para o desenvolvimento
de minha comunidade, propiciando a plena participação das 
mulheres e o respeito dos princípios democráticos, com o fim 
de criar novas formas de solidariedade".

Nos reunimos e formamos essa rede solidária para reivindicar e 
colaborar efetivamente para a construção de uma sociedade
fraterna baseada nestes princípios, nos solidarizando com todos
os que aspiram por uma sociedade com dignidade, justiça e 
segurança para todos; com os que amam as criaturas, a flora
e a fauna; com os que atuam de forma ativa e concreta na 
distribuição de riquezas; pelo respeito aos povos indígenas
e seu direito a cultura e terra próprias; com as famílias de
centenas de outras vítimas anônimas e que, como Ghandi, 
também caíram na luta por um mundo melhor;
com aqueles que promovem o reconhecimento da 
comunicação como um direito humano; com os que 
defendem a liberdade de expressão e, todos os 
que promovem a não-violência e a PAZ MUNDIAL!



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A MAÇONARIA E O PATRONO SÃO JOÃO DA ESCÓCIA

Coronilha